Nova diretiva relativa aos produtos do tabaco | Blog Altronix

Saiba como se antecipar à nova diretiva relativa aos produtos do tabaco

Todas as organizações dentro da cadeia de abastecimento de tabaco devem garantir que as suas operações estejam em total conformidade com a Diretriz de Produtos de Tabaco (TPD) até 20 de Maio de 2019 ou poderão enfrentar consequências financeiramente gravosas.

Recentemente escrevemos aqui no blog um artigo sobre os novos sistemas de rastreabilidade e de segurança na indústria do tabaco para alertar os nossos leitores sobre a chegada desta nova Diretiva 2014/40/EU. A nova legislação entrará em vigor já em Maio e a TPD exige que a indústria implemente o Track & Trace, ou seja, todas as partes envolvidas desde o inicio da produção até o ponto de venda, deverão implementar recursos de segurança nestes produtos com um sistema de rastreabilidade único que cubra todas as etapas da cadeia de abastecimento.

Cadeia de Abastecimento do Tabaco | Blog Altronix

Todos os pacotes de produtos da indústria tabaqueira à venda na EU (fabricados e importados), terão um dispositivo de segurança à prova de adulteração, composto por elementos visíveis e invisíveis, estes permitem que autoridades e consumidores possam verificar a sua autenticidade.

A parte visível desses recursos de segurança recorre a tecnologia 2D (por exemplo, DotCode, Data Matrix) impressa em cada produto individual. Nesta informação é incluído um número de série exclusivo que será lançado por um Emissor de Identificação Único, em Portugal será a Casa da Moeda [fonte: Notícias ao Minuto] – será também incluído um identificador de local, data e registo de data e hora.

Projetamos uma Solução Track & Trace TPD em cumprimento com a legislação, que inclui hardware, software e serviços de apoio para que possa garantir total conformidade, seja qual for a sua função, na Indústria do Tabaco:


Faltam apenas 2 meses! Está pronto?

Artigo publicado por:
António Duarte - Altronix
António Duarte
Diretor Comercial da Altronix