Nova etiqueta energética será obrigatória em 2021.

Como referido no Dia Mundial da Energia, por parte da ECO/Capital Verde, a etiqueta energética que normalmente se encontra nos eletrodomésticos e outros equipamentos eletrónicos irá sofrer alterações, de cariz obrigatório, já em 2021.

A introdução das novas etiquetas energéticas será organizada por etapas, dependendo dos regulamentos específicos da União Europeia. Em 2021, as novas etiquetas serão implementadas nas lojas físicas e online para os seguintes cinco grupos de produtos:

  • Aparelhos de refrigeração, como frigoríficos e congeladores, incluindo aparelhos de armazenagem de vinhos;
  • Máquinas de lavar roupa e máquinas combinadas de lavar e secar roupa;
  • Máquinas de lavar louça;
  • Ecrãs eletrónicos, incluindo televisores, monitores e ecrãs de sinalização digitais;
  • Fontes de luz (lâmpadas).

Para os demais grupos de produtos, também abrangidos pela regulamentação de etiquetagem energética como ares condicionados, secadores de roupa, aquecedores de ambiente e água etc., as novas etiquetas serão introduzidas assim que os respetivos regulamentos novos entrem em vigor.

nova etiqueta energética

O QUE É A ETIQUETA ENERGÉTICA?

A etiqueta energética é uma ferramenta importante para que os consumidores possam compreender melhor e comparar a eficiência de eletrodomésticos como os frigoríficos, os televisores ou as máquinas de lavar a loiça ou roupa. Permite fazer escolhas mais sustentáveis e, assim, poupar na fatura da eletricidade.

PORQUÊ UMA NOVA ETIQUETA?

De acordo com um inquérito realizado junto dos consumidores, a escala atual induz em erro. Isto porque a maior parte dos eletrodomésticos situa-se, hoje, nas classes A+, A++ e A+++, deixando as classes inferiores vazias, essencialmente porque os aparelhos menos eficientes foram entretanto desaparecendo
do mercado. Para resolver este problema, a União Europeia decidiu rever a escala da etiqueta: as classes “+” desaparecem, dando lugar a uma classificação de A a G. Inicialmente, a classe A irá manter-se vazia, para encorajar os fabricantes a desenvolverem
equipamentos mais eficientes.

A Nova Etiqueta Energética

Nova etiqueta para aparelhos de refriferação

A nova etiqueta entra em exibição nas lojas físicas e online a partir de 1 de março de 2021. Até lá mantém-se em vigor a etiqueta atual. Contudo, e para salvaguardar a distribuição atempada da nova etiqueta energética, alguns fornecedores estão já a incluir na embalagem dos seus produtos a nova etiqueta, em adição à etiqueta atual.

Artigo publicado por:
António Duarte - Altronix
António Duarte
Diretor Comercial da Altronix